Venezuela: Governo volta atrás em ordem de expulsão de embaixador dos EUA

O governo da Venezuela recuou de uma ordem dada ao pessoal da embaixada dos Estados Unidos para deixar o país em 72 horas.

O Ministério das Relações Exteriores disse que agora está negociando a criação de um Escritório de Interesses dos EUA na Venezuela, e permitirá que funcionários da Embaixada permaneçam no país durante as negociações.

O comunicado disse que as conversas ocorrerão por até 30 dias e, se nenhum acordo for alcançado, o pessoal da embaixada terá que deixar o país.

O presidente Nicolas Maduro rompeu relações diplomáticas com os Estados Unidos na quarta-feira (23) e deu ao pessoal da embaixada três dias para deixar o país. Mas o governo Trump se recusou a obedecer a sua diretiva, argumentando que Maduro não é mais o presidente legítimo da Venezuela. Fonte: Associated Press.