UE quer 'responder' à deterioração da situação na Nicarágua

A União Europeia (UE) manifestou nesta segunda-feira (21) sua disposição a "responder" a qualquer deterioração da situação na Nicarágua e pediu ao governo nicaraguense que ponha fim à "repressão" e solte as pessoas "ilegalmente detidas".

A UE advertiu que vai supervisionar "atentamente a situação" e destacou "sua disposição a fazer uso de todos os instrumentos" e "responder a qualquer nova deterioração dos direitos humanos e o Estado de direito".

tjc/pb/tt