Jornal do Brasil

Internacional

Pai e irmão de Macri depõem sobre corrupção

Jornal do Brasil

O juiz federal argentino Claudio Bonadio convocou o pai e um irmão do presidente da Argentina, Mauricio Macri, para prestar depoimento sobre um suposto pagamento de propina a funcionários do governo anterior, de Cristina Kirchner, para obter direito a exploração de rodovias.

Bonadio suspeita que Franco e Gianfranco Macri tenham feito parte da rede de corrupção integrada por empresários e funcionários criada durante os governos de Cristina e de Néstor Kirchner.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.