Jornal do Brasil

Internacional

Bombardeios da coalisão anti-Estado Islâmico deixam 43 mortos na Síria

Jornal do Brasil

Pelo menos 43 pessoas, das quais 36 familiares de jihadistas do grupo Estado Islâmico (EI), foram mortas neste sábado na província síria de Deir Ezzor (leste) em bombardeios da coalizão liderada pelos Estados Unidos, informou o Observatorio Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

Sete outras pessoas também morreram, embora não se saiba no momento se são civis ou combatentes.

"Este é o maior balanço desde que as Forças Democráticas da Síria (SDF) iniciaram uma ofensiva em 10 de setembro, contra o mais recente foco da resistência do Estado Islâmico nesta área fronteiriça do Iraque", informou a ONG.

A coalizão liderada por Washington intervém em apoio aos combatentes turcos e árabes das SDF encarregados da ofensiva terrestre.

lar/bek/cgo/tp/erl/sr/pa/cn