Jornal do Brasil

Internacional

Sobe para 44 número de mortos em incêndios na Califórnia

Fogo já evacuou mais de 250 mil pessoas no estado

Jornal do Brasil

Ao menos 44 pessoas morreram e mais de 200 estão desaparecidas nos incêndios que atingem o norte e o sul da Califórnia, nos Estados Unidos, anunciou Kory Honea, xerife do condado de Butte.

"A minha esperança é que eu não tenha de voltar aqui a cada noite e anunciar um número maior e maior", lamentou o policial em coletiva de imprensa na noite desta segunda-feira (12). Esse já é o pior incêndio na história do estado e entra em seu sexto dia nesta terça (13).

Até o momento, mais de 250 mil pessoas tiveram de deixar suas casas por causa do fogo, e as estradas que servem de rota de fuga registram trânsito intenso.

Os incêndios já destruíram mais de 7 mil estruturas, sendo a maioria delas casas. Em Malibu, lar de estrelas do cinema e da música, as chamas queimaram uma área de 364 quilômetros quadrados e evacuaram astros como Lady Gaga, Kim Kardashian, Will Smith e Guillermo del Toro.

O presidente Donald Trump afirmou no Twitter, também na segunda-feira (12), que aprovou um pedido para declarar estado de desastre na Califórnia, o que permite o envio de recursos adicionais pelo governo federal para reduzir os danos.

O incêndio Camp, em Paradise, cidade destruída pelo fogo, já queimou 473 quilômetros quadrados e só teve 30% das suas chamas controladas.