Jornal do Brasil

Internacional

Hillary vai concorrer às eleições de 2020, dizem fontes

Pessoas próximas à democrata confirmam candidatura

Jornal do Brasil

A ex-secretária de Estado e ex-primeira-dama Hillary Clinton deve concorrer novamente à Casa Branca nas eleições de 2020. O nome da democrata, que perdeu o pleito de 2016 para o republicano Donald Trump, apareceu com mais força nos últimos dias em especulações sobre o futuro político dos Estados Unidos.

 

O conselheiro da família Clinton, Mark Penn, e o presidente do New York Council, Andrew Stein, que também é amigo do casal Bill e Hillary, afirmam que a ex-secretária voltará à cena. Desta vez, a estratégia será apresentar uma "Hillary 4.0", moderna e uma nova invenção de si mesma, com a meta de se tornar a primeira mulher presidente dos Estados Unidos.

 

De acordo com o "The Wall Street Journal", Hillary tem atualmente 75% de popularidade. Aos 71 anos, ela já concorreu à Presidência em 2016, mas também fora secretária de Estado de 2009 a 2013, no mandato de Barack Obama, senadora por Nova York entre 2001 e 2009, e primeira-dama de 1993 a 2001.