Jornal do Brasil

Internacional

Secretário de Defesa americano diz que ataque talibã não afetará segurança em Kandahar

Jornal do Brasil

O secretário de Defesa dos Estados Unidos, Jim Mattis, afirmou nesta sexta-feira que o assassinato do general Abdul Raziq, um dos principais comandantes da área de segurança no Afeganistão, não mudará em nada a situação na província de Kandahar, onde ele atuava.

"Encontrei os comandantes de segurança que o rodeavam. Vi os progressos das forças de segurança afegãs", declarou Mattis à margem de uma reunião em Singapura.

"O Afeganistão perdeu tragicamente um patriota. Mas não acredito que terá um efeito a longo prazo na região", completou.

Os talibãs reivindicaram o ataque de quinta-feira que matou o polêmico chefe analfabeto da polícia provincial de Kandahar, sul do país.

Outras duas pessoas morreram no ataque, executado dentro de um prédio do governo durante uma reunião sobre segurança, dois dias antes das eleições legislativas no Afeganistão.

O general Scott Miller, comandante das forças da Otan e americanas no Afeganistão, que também participava na reunião, escapou ileso.

Mattis considera muito cedo para saber se o ataque terá algum impacto na participação das eleições de sábado.

wat/sr/lgo/mra/ra/fp

 



Recomendadas para você