Jornal do Brasil

Internacional

Irã anuncia lançamentos de mísseis contra campo "terrorista" na Síria

Jornal do Brasil

A Guarda Revolucionária iraniana anunciou nesta segunda-feira um ataque, com mísseis balísticos", contra um "quartel-general de terroristas" na Síria, em represália contra o atentado de 22 de setembro contra a cidade iraniana de Ahvaz.

"O quartel-general do responsáveis pelo crime terrorista de Ahvaz foi atacado há alguns minutos ao leste do Eufrates por vários mísseis balísticos disparados pelo braço aeroespacial da Guarda Revolucionária", afirmou a unidade de elite da República Islâmica em seu portal oficial.

"De acordo com as primeiras informações, vários terroristas takfiri e líderes do crime terrorista de Ahvaz foram mortos ou feridos no ataque com mísseis", completa a nota da Guarda Revolucionária,

As autoridades iranianas usam o termo "takfiri" para fazer referência aos jihadistas sunitas. Deriva da palavra árabe "takfir" (anátema), uma acusação feita por estes extremistas como justificativa para a violência contra os que consideram ímpios.

De acordo com a agência iraniana Fars, próxima aos conservadores, dois tipos de mísseis foram utilizados: Zolfaghar (750 km de alcance) e Qiam (800 km).

Em 22 de setembro, 24 pessoas morreram quando cinco criminosos abriram fogo contra uma parada militar em Ahvaz, sudoeste do Irã.

O atentado foi reivindicado pelo grupo extremista Estado Islâmico (EI), contra o qual o Irã atua na Síria em aliança com as autoridades de Damasco.

No dia do ataque, o presidente iraniano, Hassan Rohani, prometeu uma resposta "terrível".

kas-mj/hh/jvb/fp



Recomendadas para você