Governo da Nicarágua expulsa missão de DH da ONU, segundo ONG

O governo da Nicarágua expulsou nesta sexta-feira a missão do Alto Comissariado de Direitos Humanos da ONU, dois dias após a publicação de um contunde relatório sobre os abusos cometidos pelo regime contra manifestantes.

O governo do presidente Daniel Ortega ordenou que a missão liderada por Guillermo Fernández Maldonado deixe o país ainda nesta sexta-feira, denunciou em coletiva de imprensa o Centro Nicaraguense de Direitos Humanos (CENIDH).

Não foi possível localizar os membros da missão da ONU para verificar a informação.

 

jr/mas/cd/mr