Mudança no time

Na briga pela sua permanência à frente do Sesc-Rio, do qual foi afastado temporariamente em janeiro, e do Senac-Rio, cuja intervenção está sendo pedida pelo Conselho Fiscal da entidade, o empresário orlando Diniz mudou seu time de advogados.

Em janeiro, quando o Conselho Fiscal do Sesc nacional pediu a intervenção no Sesc- Rio, Diniz recorreu ao escritório carioca do conceituado advogado Sérgio Bermudes para evitar seu afastamento da presidência do órgão mantido pelo comércio fluminense. Perdeu a batalha.

Agora, quando o Conselho Fiscal do Senac também propõs a intervenção no Senac Rio, Diniz deixou de lado o escritório carioca e foi bater à porta do escritório de Ricardo Teixeira, em São Paulo.

Teixeira, também um conceituado defensor, é mais conhecido, porém, por ser compadre do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.