Em tratamento renal no Sírio Libanês, Gilberto Gil ganha previsão de alta

Vale lembrar que Gil apresentou um quadro de hipertensão arterial em fevereiro deste ano

Há mais de 24 horas Gilberto Gil segue internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. O cantor e compositor chegou a ficar internado no mesmo hospital por mais de uma semana quando apresentou um quadro de hipertensão arterial. Gil saiu no final de março. Desta vez, ele complementa um tratamento renal. Segundo Gil, essa internação é apenas uma continuação do check-up que começou a fazer e precisou ser interrompido para mais uma etapa internacional da turnê "Dois amigos, um século de música", ao lado do amigo tropicalista Caetano Veloso. Ao que consta, Gil terá alta no próximo fim de semana. A assessoria disse que o tratamento está sendo feito a base de medicamentos, dispensando a necessidade de diálise. Quanto à hipertensão, a assessoria garante que o problema já está controlado.

Gilberto Gil escreveu para tranquilizar os fãs: "Gostaria de agradecer a todos pela preocupação, pelas inúmeras ligações, e-mails e recados aqui nas redes. Como vocês sabem, no mês passado iniciei um check-up aqui em São Paulo, interrompi pra fazer minha maratona de shows com @caetanoveloso pela América Latina, Estados Unidos e Europa, e agora retornei ao hospital com @floragil_ para terminar o meu check-up. Obrigado por tanto carinho, espero em breve estar em casa".

*O próximo show de Gilberto Gil será no dia 9 de junho, no Vivo Rio, na Zona Sul.