Rolling Stones arrastam multidão, mesmo debaixo de chuva, para show no Maracanã

Mick Jagger, Keith Richards, Ron Wood e Charlie Watts rodam a América Latina com a turnê “Olé”

“Ladies and Gentlemen: The Rolling Stones”. Logo depois do anúncio – que já é histórico, Mick Jagger entrou no palco vestido com blazer cintilante e uma camisa vermelha e soltou a voz em “Start me up”, o maior hit do álbum “Tattoo you”, de 1981 e escolhida para abrir a apresentação da banda no palco do Maracanã, no Rio de Janeiro. “Olá, cariocas. Faz exatamente 10 anos do show em Copacabana. Bom estar de volta”, disse ele. O show ao qual Jagger se referiu trata-se do histórico – e inesquecível – evento nas areias da praia de Copacabana que reuniu mais de 1 milhão de fãs em 2006 – mais precisamente no dia 18 de fevereiro, quando a urbe maravilha parou para assistir gratuitamente a turnê “A Bigger Bang”. Nesse sábado, dia 20, a apresentação brasileira da turnê “América Latina Olé” também cumpriu a promessa de marcar – novamente – a história da banda no país.

Os Rolling Stones seguraram um começo de show animado, porém, logo após a primeira música, problemas na guitarra de Keith Richards fizeram com que a produção subisse ao palco para justificar. “Por causa da chuva, nós estamos com um probleminha. Como não dá para atrasar o show, vamos iniciar em 10 minutos enquanto tentamos consertar”, explicou um dos produtores. Não foi suficiente: a plateia vaiou.

Mas nada que impedisse os astros a continuarem brilhando. Logo que soltou a voz com “It’s only rock ‘n roll but I like it”, Mick Jagger reconquistou o público, que, a plenos pulmões, declarou seu amor ao rock com muita animação. Em seguida, o hit “Angie” surpreendeu positivamente a plateia – já que a música quase não foi tocada na turnê – que já passou pelo Chile, Argentina e Uruguai – e não era esperada na apresentação carioca. “Honky Tonk Women” veio depois, logo antes de Mick parar o show para apresentar a banda – como se precisasse. Com seu humor de praxe, ele brincou: “Ron Wood é o mascote das Olimpíadas do Rio e Charlie Watts, frequentador oficial da quadra da Mangueira”. Bastou para despertar muitas gargalhadas entre os fãs.

A partir daí, o repertório passou pelas históricas “(I Can’t Get No) Satisfaction”, “Paint It Black”, “Midnight Rambler”, “Brown Sugar”, “Sympathy for the devil”, “Miss you’, “Jumpin’ Jack Flash”, “Gimme Shelter”, “Out of control”, “Tumbling dice” e outras. Os fãs – vale destacar – tiveram um papel importante no repertório, já que a banda abriu uma votação antecipada no site oficial que possibilitou a escolha de uma das quatro músicas entre “All down the line”, “Like a Rolling Stone”, “Live with me” e “Shattered” para animar ainda mais a apresentação. A escolhida? “Like a Rolling Stone”, imortalizada por Bob Dylan e que foi cantada a plenos pulmões por Jagger! O guitarrista Keith Richards também pegou o microfone e entoou os hits “You got the silver” e “Before they make me run” – e foi superaplaudido por uma plateia composta de fãs de todas as gerações. Pensado para o grande público, o show reuniu os maiores sucessos dos anos áureos da banda.

[email protected]