Grafite na capital: a relação de Marcelo Eco com Brasília e Oscar Niemeyer

Grafiteiro é personagem da peça 'ECONIEMEYER', parte da nova série de Johnnie Walker

Um passo de cada vez e todos rumo ao Museu da República, a Praça dos Três Poderes e o Congresso Nacional. Este é o roteiro do grafiteiro Marcelo Eco em Brasília, no novo filme da série 'Keep Walking-Johnnie Walker', dirigido pelo cineasta Bruno Bastos e batizado 'ECONIEMEYER'.

A nova peça do projeto foi rodada em dezembro do ano passado, tendo os principais pontos turísticos da capital federal como cenário, todos assinados por Oscar Niemeyer, um dos maiores ídolos de Eco. "Cresci em Niterói e me impressionava com o MAC (Museu de Arte Contemporânea). O trabalho do Niemeyer sempre me inspirou. Conhecer Brasília e ver de perto o grande acervo desse brasileiro e de tantos outros arquitetos foi encantador. O convite partiu do Bruno Bastos, que é um visionário, o que fez da experiência algo único!", elogia Marcelo.

Entre os takes que mostram o poder transformador da arte, outro Marcelo, o Yuka, dá voz aos pensamentos e confissões do grafiteiro: "Esta cidade me faz pensar em como a arte nos faz alcançar lugares inimagináveis e como a arte liberta tanto o artista quanto os seus apreciadores".

O lançamento oficial do projeto, que tem curadoria liderada por Fernando Meirelles, será na quinta-feira (6), n Cinemark Iguatemi, em São Paulo, dando uma prévia de como os espectadores da rede de cinemas assistirão aos filmetes, que serão exibidos na telona antes do início das sessões deste mês. Além de Marcelo Eco, Fabio Coelho, presidente do Google no Brasil, Alexandre Gama, presidente da NeoGama/BBH, e Tânia Cesar, diretora de marketing da Diageo, empresa detentora da Johnnie Walker, também participam da série. 

[email protected]