Mais do mesmo? Como a Record fugirá de armadilhas com o 'Programa da Tarde'!

Excesso de conteúdo e abordagem rasa de assuntos são os maiores riscos de nova atração

Confira também o nosso blog.

Moda, sexo, comportamento, viagens, fofoca sobre celebridades: a proposta do 'Programa da Tarde', talvez a grande aposta dentre as estreias da Record para o mês de setembro, definitivamente, não traz qualquer novidade à seara da TV aberta. Inclusive se lembrarmos que uma outra atração já existente na emissora, leia-se 'Hoje em Dia', já dá conta da abordagem de alguns dos assuntos citados, não é mesmo?

Britto Jr. e Ana Hickmann, a partir do dia 10, têm a missão de alavancar a audiência do canal, justamente à tarde, aquele que, talvez, seja exatamente o terreno onde a Record deve investir para aumentar sua média geral no Ibope. Deste ponto de vista, um acerto estratégico da direção executiva da emissora esta aposta na dupla (dois carros-chefes da grade) em uma nova atração vespertina.

Mas, como sempre, há armadilhas. Como, por exemplo, a chance de uma abordagem rasa e repleta de lugares-comuns, por conta da quantidade imensa de pautas a serem levadas ao ar. Haverá a presença do sexólogo Jairo Bauer, um quadro de viagens com Theo Becker e Nicole Bahls, aventuras com o jornalista Guilherme Arruda, dicas de estilo com Matheus Mazzafera e Gustavo Sarti, além de comentários sobre a vida dos famosos. Nada de novo no front, concordam? Logo, fica no ar o receio de que, além da mesmice, a nova atração peque pelo excesso de conteúdo, resultando em uma abordagem rápida demais dos assuntos. Será que a lição traumática do 'Encontro' de Fátima Bernardes servirá de lição? Saberemos todas as respostas a partir do dia 10. Estamos de olho.

[email protected]