Briga de gigantes: Hermès processa LVMH por manipulação de preços das ações

Em troca, grupo investidor acusa a maison de chantagem, falsas acusações e concorrência desleal

Confira também o nosso blog.

O universo dos negócios de luxo parece ser glamuroso e bem vestido, mas a relação entre a Hermès e o grupo LVMH, detentor de parte da grife, não vai nada bem. A maison francesa está processando o grupo investidor por uso de informação privilegiada e manipulação do preço de ações, de acordo com o site WWD. 

Pouco se sabe ainda sobre o caso, mas a Hermès divulgou um comunicado informando que 'essa reclamação diz respeito às condições de entrada da LVMH no capital da Hermès International'. Membros da família do fundador da grife, Thierry Hermès, são os sócios majoritários da companhia (reunidos, detêm 70% das ações) e estão lutando com tudo o que podem para evitar o que seria uma aquisição cultural da marca por parte da LVMH, que, atualmente, detém 22,3% da marca. Aparentemente, parte das ações da Hermès teriam sido adquiridas pela LVMH de uma forma que não seria necessária a declaração de valores mobiliários.

Em contrapartida, a LVMH está se preparando para entrar com um processo contra a Hermès por chantagem, falsas acusações e concorrência desleal. 

[email protected]