Ibope ganha mais um forte inimigo: José Luiz Datena!

Apresentador da Band levanta suspeitas sobre método de aferição de audiência do instituto

Confira também o nosso blog.

Paralelamente aos ataques desferidos pela Record, na última edição da revista eletrônica 'Domingo Espetacular' (e que terão sequência esta semana, fiquem de olho), o Ibope parece ter conquistado mais um inimigo ferrenho, furioso e sem papas na língua: José Luiz Datena.

Há, aproximadamente, 10 dias, o apresentador do programa policial 'Brasil Urgente', da Band, vem alfinetando, para não dizer 'atacando', o instituto de pesquisa e seus métodos de medição da audiência. 

Semana passada, no ar, Datena disparou: "Quero fazer uma pergunta direta pra esses caras do Ibope. Por que tem gente que vai uma vez só pro intervalo comercial e não cai um décimo na pontuação? Aliás não sei como sobrevive, emissoras são comerciais, sobrevivem com comercial…Tem cara que fica 3h sem dar comercial. E os caras vão pro intervalo e não caem 1 ponto. E aí você dá intervalo e cai 5. Qual é a sua, Montenegro?", direcionando objetivamente o ataque a Carlos Augusto Montenegro, presidente do Ibope.

Coincidentemente ou não, a revolta de Datena surge simultaneamente ao crescimento da audiência do 'Cidade Alerta', apresentado por Marcelo Rezende, na Record, atração que vem, justamente, baqueando os números do 'Brasil Urgente'. Na quarta (25), o programa de Rezende bateu ser recorde de audiência, com 8,2 pontos de média, enquanto Datena amargou meros 3 pontos.

Lembrando que Datena, antes de reassumir o 'Brasil Urgente', passou dois conturbados meses à frente do 'Cidade Alerta' e deixou a Record em pé de guerra com a cúpula da emissora. Agora, chegou a vez de abrir fogo contra o Ibope.

[email protected]