HT no show de Gal Costa: ela revela que chora ao ouvir tema da novela 'Gabriela'

Cantora leva seu 'Recanto' ao Vivo Rio para delírio dos cariocas e a gente conta os bafos

Confira também o nosso blog

Neste final de semana, os cariocas foram privilegiados por um acontecimento musical precioso: Gal Costa aportou na casa de espetáculos Vivo Rio para dar continuidade à turnê de seu mais recente álbum, Recanto. Ontem (14), a coluna esteve por lá e testemunhou um show maravilhoso. Dessa vez, Gal deu voz às músicas novas, todas compostas por Caetano Veloso - que também é produtor de Recanto ao lado do filho, Moreno -, e às clássicas, como Da Maior Importância, O Amor, Baby, entre outras.

Com uma plateia cheia de estrelas do naipe de Chico BuarqueLuis Fernando Verissimo, Elba Ramalho, Patrícia Pillar, Moraes Moreira, Guilhermina Guinle, Débora Nascimento, a Tessália de "Aveinda Brasil", Mateus Solano, Maria Flor, Giulia Gam, Diogo Vilella, Daniel Filho, Gilberto Braga e Boni, Gal Costa se mostrava segura e firme desde o início do show. Ao entoar o primeiro verso de Divino Maravilhoso, quarta música do repertório, o público se animou e entrou no clima da cantora que, àquela altura, já estava em pé e dançando, cheia de suingue.

Ousadia foi a palavra-chave da apresentação. As músicas de Recanto foram todas executadas conforme a gravação original, na qual as bases são majoritamente eletrônicas. Acompanhada por Pedro Baby (violão e guitarra), Bruno Di Lullo (baixo) e Rafael Rocha (MPC e bateria), Gal estava livre, leve e solta ao cantar o "funk" Miami Maculelê e, para completar, deu uma requebradinha no quadril, levando a plateia ao delírio. Outro momento bastante animado foi durante a execução da música Barato Total, no qual vozes animadas engrossavam o coro no trecho "Lalalalaiá lalaiá".

A emoção ficou por conta das canções que todo mundo conhece há bastante tempo. Em Baby, já no último terço do show, o público parecia estar em uma dimensão superior, tamanha a entrega e a vontade de cantar junto com Gal. Logo em seguida, veio Vapor Barato, performance pela qual a cantora foi aplaudida de pé, ao som de elogios como "Absoluta!", "Maravilhosa!" e "Esplêndida!". E, quando já imaginavamos que Gal não nos daria mais nenhuma grande surpresa, a diva homenageou Tim Maia em Um Dia de Domingo, alternando entre seu próprio tom de voz e o grave inesquecível do cantor.

Gal Costa ainda presenteou a plateia com joias como Força Estranha, Dom de Iludir e Folhetim. Para fechar com chave de ouro, não poderia faltar Modinha Para Gabriela. Antes de começar a mandar ver na música tema da novela da Globo, a cantora declarou: "Eu sempre choro quando ouço a trilha sonora de 'Gabriela'. É muito linda". Lindo foi esse show! Gal Costa mais fatal do que nunca.

[email protected]