HT no Fashion Rio: Daisy Lowe prolonga estadia carioca para ter aulas de samba

Confira também o nosso blog.

Daisy Lowe estava super ansiosa com a vinda ao Brasil, para o desfile da Ausländer, e com a cabeça cheia de planos. "Desde que cheguei, só consegui trabalhar! Mas passei a tarde de hoje (sábado) na piscina do hotel", contou a enteada de Gwen Stefani, que está hospedada no Copacabana Palace. A mocinha dividiu a passarela com o campeão do UFC Jon Jones, mas o frisson na porta do backstage era todo em torno do nome da modelo. "Vi a Daisy no Festival Coachella, em 2010, e fiquei encantado por ela. A Ausländer é uma marca pequena, com uma moda mais comercial, e precisamos de algum jeito de chamar atenção além das roupas. Sempre procuramos inovar no casting, apesar do orçamento baixo que temos. O cachê da Daisy é o maior que nós já pagamos até agora, mas, ainda assim, é menor que o das tops brasileiras", contou Ricardo Bräutigan, o Cadinho, que contou com uma ajudinha de seus patrocinadores para trazer a moça. 

Para conseguir cumprir toda a sua programação, Daisy ficará mais cinco dias por aqui - todos com roteiro já definido. "Ontem fui jantar em Ipanema e foi incrível! Amanhã vou à praia e, durante a semana, vou ao Cristo, ao Pão de Açúcar, farei aulas de samba e irei a festas", planeja a inglesinha, que tem Betty Page como ícone fashion e adooooora ouvir a cantora Emily Sunday, o último álbum do The XX, The Cure, Radiohead, James Blake e Bon Iver. Com looks sempre invejáveis, Daisy tem só uma pinima fashion: "rapazes brancos com bonés de baseball. É horrível", revelou. Recado anotado, meninos?

[email protected]