Inverno siberiano com modelo nova-iorquina em grife carioca

O estilo inclui tricôs, brilhos, malhas coloridas e muito jeans – até aí, nada de tão diferente assim das outras propostas de inverno da moda brasileira. Só que a Myth, srguindo um conceito siberiano, trouxe a top e colunável Schinayder Garnero, baseada em Nova York, para vestir os looks em meio a galhos, blocos de espuma e 150 quilos de sal grosso, para dar o efeito de neve da Sibéria.

A campanha Myth Wild mistura o jeito young/casual típico da marca ao  toques étnicos que se refletem nas peles sintéticas, nos couros ecológicos e na lembrança de referencias orientais. Tanta impressão de frio foi acentuada pelo styling e cenografia de Alexandre Schnabl, que acrescentou detalhes folks, captados em viagem para Paris.

Fabiana Dalmaso, proprietária da Myth, se divide entre a criação das coleções e os projetos de abertura de pelo menos 15 franquias ainda neste ano, para arredondar o número de 21 lojas já existentes entre o Rio, o Sudeste e o Nordeste do Brasil. Os preços razoáveis e o estilo colorido e jovial impulsionam o processo de crescimento da Myth, uma das marcas que compõem o panorama de moda do Rio, que surpreende pela vitalidade.