Fluminense: Luciano fica de fora da Sul-Americana

Desde a primeira fase da Sul-Americana, na qual o Fluminense eliminou o Nacional Potosí, cinco dos 29 atletas inicialmente inscritos já deixaram ou estão perto de deixar o clube. São eles os zagueiros Reginaldo e Renato Chaves (próximo do Al-Wehda, da Arábia Saudita), os volantes Douglas e Marlon Freitas e o atacante Robinho. Como o regulamento permite apenas três trocas nesta fase, Luciano, um dos cinco reforços para o restante da temporada, ficou de fora da lista disponível para enfrentar o Defensor, do Uruguai, amanhã e no próximo dia 16.

O atacante emprestado pelo Leganés, da Espanha, acabou preterido por Digão, Júnior Dutra e Everaldo – trio que entrou nos lugares de Reginaldo, Douglas e Marlon Freitas – por conta de uma entorse no tornozelo direito, sofrida na derrota para o Ceará, no último sábado. Outro que precisará aguardar até um eventual confronto de oitavas de final é o equatoriano Bryan Cabezas, que ainda passa por um aperfeiçoamento físico antes de estrear com a camisa tricolor.

Titular na última partida, Júnior Dutra está inscrito, mas é dúvida para amanhã. O atacante foi substituído após sentir um edema na coxa e ainda não se recuperou totalmente da lesão, de acordo com o técnico Marcelo Oliveira. Com isso, Marcos Júnior, que sequer entrou contra o Ceará, deve voltar a compor o ataque com Pedro.

Uma entre as diversas opções ofensivas que o treinador tem à disposição, o atacante Pablo Dyego encaminhou ontem a renovação de seu contrato com o Fluminense. O jogador de 24 anos entenderá até dezembro de 2019 o vínculo que se encerrava no final deste ano.