Vasco chega a Brasília com festa

Nos seis jogos que o Vasco fez até agora sob o comando do técnico Jorginho, a principal característica do time foi a entrega. Isso bastou para reconquistar o apoio da torcida, como ficou claro ontem, no desembarque da equipe em Brasília, um dia após a derrota de 3 a 1 para a LDU, em Quito, pela Copa Sul-Americana. Os jogadores foram recebidos calorosamente por quase mil torcedores. Domingo o Vasco enfrenta o Corinthians, na capital federal.

“É muito bom este carinho. Estamos muito felizes com esse bela recepção da torcida aqui em Brasília, mesmo após a derrota”, afirmou o volante Andrey, surpreso com tanta gente no setor de desembarque do Aeroporto Presidente Jucelino Kubitschek.

A vitória sobre o Grêmio por 1 a 0, domingo passado, quando a equipe atuou com menos um jogador desde os 32 minutos da etapa inicial, serviu para recuperar a autoestima dos jogadores. Para eles, foi uma mostra de que com entrega e organização é possível superar as reconhecidas limitações técnicas da equipe. “Vamos em busca da vitória sobre o Corinthians para brigarmos pela parte de cima da tabela do Brasileiro. Sabemos que é possível”, afirmou o goleiro Martín Silva, capitão da equipe.

Como não atuou durante a semana pelo Brasileiro e já tinha um jogo adiado (contra o Santos), o Vasco tem hoje dois jogos a menos que a maioria das equipes.