Sharapova avança após susto e Muguruza vence duelo de campeãs em Roland Garros

A russa Maria Sharapova conseguiu escapar da eliminação no seu jogo de estreia em Roland Garros. Nesta terça-feira, a ex-número 1 do mundo e hoje 30ª colocada no ranking da WTA conseguiu uma virada no terceiro set para derrotar a holandesa Richel Hogemkamp (133ª) por 2 a 1, com parciais de 6/1, 4/6 e 6/3, em 1 hora e 54 minutos.

Duas vezes campeã de Roland Garros, Sharapova havia ficado de fora das duas edições anteriores do evento, pois em 2016 cumpria suspensão por doping, enquanto no ano seguinte, sem classificação suficiente no ranking para participar do evento, não recebeu um convite da organização do Grand Slam parisiense.

Essa, então, a primeira vitória de Sharapova em Roland Garros desde 2015. Mas ela não foi assegurada sem sustos, pois a russa liderava o placar por 6/1 e 4/3, mas perdeu seis games seguidos. Assim, não só perdeu o segundo set como também viu Hogemkamp abrir 3/0 no terceiro.

Aí, então, Sharapova voltou a se impor e deu o troco, também tendo vencido seis games em sequência, ainda que tenha passado um susto no sexto, quando precisou salvar dois break points.

Embalada por uma recente boa campanha no Torneio de Roma, onde foi eliminada apenas nas semifinais, a russa agora vai duelar em Paris com a croata Donna Vekic, 50ª colocada no ranking, que fez 6/2 e 6/4 na ucraniana Keteryna Bondarenko.

Também nesta terça-feira, em confronto que envolveu duas campeã de Roland Garros, a espanhola Garbiñe Muguruza, a número 3 do mundo e que levou o título em 2016, derrotou a russa Svetlana Kuznetsova, 43ª colocada no ranking e que conquistou o título em 2009, por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 (7/0) e 6/2, em 2 horas e 7 minutos.

A derrota encerrou precocemente a 16ª participação consecutiva de Kuznetsova, de 32 anos, em Roland Garros, enquanto classificou Muguruza, que no ano passado parou nas oitavas de final, em Paris. E a sua próxima rival será a francesa Fiona Ferro, 257ª colocada no ranking, que derrotou a alemã Carina Witthoeft (61ª) por 6/4 e 6/2.

Em um jogo com dois tie-breaks e um "pneu", a belga Elise Mertens, a número 16 do mundo, superou a norte-americana Varvara Lepchenko (92ª) por 6/7 (9/11), 7/6 (7/4) e 6/0. E a sua segunda oponente em Paris será a britânica Heather Watson.

Também nesta terça-feira, a norte-americana Bethanie Mattek-Sands, as australianas Samantha Stosur e Daria Gavrilova, a romena Irina-Camelia Begu, a chinesa Shuai Zhang e a belga Alison van Uytvanck triunfaram pela primeira rodada de Roland Garros.