"VAR tem que chegar à Liga dos Campeões logo", reclama Monchi

O diretor esportivo da Roma, Ramón Rodríguez Verdejo 'Monchi', criticou a arbitragem nesta quarta-feira após a eliminação de sua equipe para o Liverpool na semifinal da Liga dos Campeões, reclamando que "o VAR tem que chegar à Liga dos Campeões logo".

"Não é normal. Não entendo que não tenha VAR no torneio mais importante que existe", acrescentou o dirigente sobre a vídeo-arbitragem, recurso utilizado em algumas competições internacionais da Fifa, mas que a Uefa se mostra receosa em usar.

"É a hora do futebol italiano levantar a voz. A Juventus também foi eliminada (pelo Real Madrid nas quartas de final) por erros incríveis. Também houve erros no Real-Bayern", lamentou Monchi.

"Parabéns ao Liverpool, mas é preciso analisar bem o que aconteceu. Foram dois pênaltis muito evidentes que não foram marcados esta noite e isso muda tudo. Na ida marcaram um gol impedido", exemplificou o espanhol.

Os Reds encaram o Real Madrid na decisão em Kiev, dia 26 de maio.

stt/mcd/fa