Lutador de MMA segue em coma após problemas em corte de peso

Alexandre Pereira faria sua estreia no MMA profissional em janeiro, pelo Shooto Brasil, no entanto, teve que ser internado às pressas após complicações durante o corte de peso

O lutador Alexandre Pereira Silva, que tinha sua estreia no MMA marcada para o dia 28 de janeiro, pelo Shooto Brasil 80, vem passando por um grande drama em sua vida desde então. O atleta estava se preparando para fazer sua primeira luta na modalidade, no entanto, sofreu complicações durante o corte de peso e foi levado às pressas para um hospital no dia da pesagem para o evento em questão.

Pai de Alexandre, Magno Pereira revelou ao site MMA Fighting que seu filho sofreu várias convulsões enquanto cortava peso para lutar e teve um ataque cardíaco já no hospital. Além disso, o lutador está em coma há dois meses e foi transferido recentemente para o hospital São Francisco de Assis, no Rio de Janeiro. Ainda segundo Magno, o atleta sofria de rabdomiólise, que causava hemorragia interna e tinha um coágulo no cérebro. Os médicos disseram, então, que o Silva precisaria de um milagre para sobreviver quando chegasse ao hospital.

Atualmente, Alexandre luta contra uma infecção e seus órgãos, que pararam de funcionar, recentemente estão funcionando novamente. Todavia, ainda há um risco de que Silva possa entrar em um estado vegetativo. O lutador permanece em estado crítico na unidade de terapia intensiva.

Alexandre Pereira, até então, havia feito um duelo no MMA amador, pelo Shooto Brasil 73, em maio do ano passado. Na ocasião, derrotou Marcos Silva por decisão majoritária dos jurados. Seu duelo de janeiro seria justamente a revanche contra Marcos.

Quer ficar por dentro do mundo da luta? Clique e acesse o site da TATAME!