Com atuação de gala, Juve derrota Barça e abre boa vantagem

Italianos venceram a partida por 3 a 0 em Turim

A Juventus não tomou conhecimento do Barcelona e venceu a equipe catalã por 3 a 0 nesta terça-feira pelas quartas de final da Liga dos Campeões da Europa. Agora, o time catalão terá que fazer um novo "milagre" no Camp Nou para conseguir avançar para as semis da competição.

    A Velha Senhora já começou no ataque e logo aos quatro minutos o atacante Dybala abriu o placar em um belo primeiro gol. Aos 21, o argentino ampliou o placar para os donos da casa. O Barcelona estava irreconhecível em campo, não conseguindo passar pela forte marcação dos italianos. Já no segundo tempo, aos nove minutos, Chiellini marcou o terceiro da Juve após uma cobrança de escanteio.

    Apesar de ter feito pouco o goleiro Buffon trabalhar, Suárez teve a única boa oportunidade dos catalães no segundo tempo. Aos 22 minutos, o uruguaio obrigou o veterano goleiro de 39 anos a fazer uma grande defesa.

    Com o resultado, o Barcelona precisará marcar 4 gols - e não tomar nenhum - no dia 19 de abril no Camp Nou durante o jogo de volta. A equipe terá que repetir o que fez nas oitavas de final, quando perdeu por 4 a 0 na primeira partida, mas conseguiu fazer 6 a 1 no confronto de volta e se classificar.

    A outra partida das quartas, entre Borussia Dortmund e Monaco foi adiada após três bombas explodirem próximas ao ônibus da equipe alemã. O jogo será disputado amanhã (12).

    - Reencontros e números: O jogo ainda marcou o reencontro entre o zagueiro Chiellini e o uruguaio Luiz Suárez após a famosa "mordida" na Copa do Mundo de 2014. No entanto, nesta terça, o clima entre os dois foi de paz e de marcação "tranquila".

    O resultado ainda marcou um feito e tanto para os italianos: são 33 jogos consecutivos na Liga dos Campeões marcando gols.