Grandes podem ser eliminados já na estreia da Copa do Brasil

A Copa do Brasil começa hoje com a participação de 80 clubes em sua primeira fase (outros 11 vão entrar no decorrer da competição) e uma mudança significativa no regulamento. Nas duas fases iniciais, só haverá um jogo de mata-mata em cada uma delas. Isso põe em risco alguns dos gigantes do futebol brasileiro logo na estreia. Corinthians (hoje), Vasco e São Paulo, ambos amanhã, têm jogos aparentemente fáceis, mas não estão imunes a surpresas.

Os três vão jogar fora de casa e contam com o empate para avançar na Copa do Brasil. O Corinthians enfrenta a Caldense em Poços de Caldas e, a princípio, é o que corre mais riscos, apesar de sua superioridade técnica. O time mineiro venceu 50% dos jogos em seu estádio nos últimos 12 meses.

Já na quinta, o Vasco joga com o Santos, do Amapá, em campo neutro – na Arena das Dunas, em Natal -, e o São Paulo tem pela frente o Moto Club, no Maranhão.

Outros clubes da elite do futebol brasileiro também entram em campo hoje pela Copa do Brasil. Coritiba, Ponte Preta e Vitória vão jogar fora de casa, contra Vitória da Conquista (BA), Campinense (PB) e Luziânia (DF), respectivamente.

Na semana que vem, Internacional, Fluminense, Cruzeiro e Bahia vão passar pelo mesmo teste, longe de suas cidades. Seus adversários são, pela ordem, Princesa de Solimões (AM), Globo (RN), Volta Redonda e Sergipe. A tarefa mais árdua parece a do Cruzeiro – o Volta Redonda foi campeão da Série D e, em seu campo, é difícil de ser batido -, embora o empate garanta os grandes na segunda fase.