Brasil x Colômbia ajudará Tite com Seleção das Eliminatórias

Técnico observará no amistoso jogadores que atuam no Brasil

O amistoso desta noite do Brasil com a Colômbia tem um caráter diferente – é um jogo beneficente em apoio às vítimas da tragédia do voo da Chapecoense. Mas isso não quer dizer que o técnico Tite deixará de aproveitá-lo para fazer avaliações. Ao todo, 23 jogadores que atuam no País foram convocados para a partida, às 21h45, no Engenhão.

Para montar a Seleção principal, Tite ainda tem algumas vagas abertas. Portanto, o amistoso pode ajudá-lo a solucionar problemas. Um deles aponta para a definição dos reservas do goleiro Alisson, o titular do time e que não está nesse grupo porque joga na Roma. Wéverton, Muralha e Danilo Fernandes estão nessa disputa.

Na lateral direita, procura-se um reserva à altura de Daniel Alves. Fagner está bem cotado para isso e vai ter a oportunidade de sair jogando no Engenhão, enquanto Marcos Rocha estará no banco. Já na zaga, Rodrigo Caio e Geromel tentam um lugar junto aos três soberanos da posição na principal – Marquinhos, Thiago Silva e Miranda. Por ser bem mais jovem, Rodrigo Caio (23 anos) leva vantagem sobre o zagueiro do Grêmio, de 31 anos.

Os laterais esquerdos Marcelo e Filipe Luís são outros intocáveis e, em condições normais, não vão perder o posto para Fábio Santos e Jorge, relacionados para o jogo com a Colômbia.

Daí pra frente, a situação dos ‘candidatos’ é muito mais complicada. Entre volantes e meias, Tite já tem cinco nomes praticamente definidos – Fernandinho, Casemiro, Paulinho, Renato Augusto e Giuliano. Restaria, a princípio, uma vaga para o setor e Lucas Lima e Walace, destaque do Grêmio no Brasileiro de 2016, sabem muito bem disso. O santista está, hoje, um degrau acima do concorrente.

Além deles, corre por fora o volante Moisés, do Palmeiras, ausente da lista para o amistoso por causa de desgaste físico.

Já no ataque, as inscrições, por enquanto, estão fechadas. Dudu, Robinho, Diego Souza e Luan, nenhum deles tem como desbancar no momento o grupo liderado por Neymar e que traz Philippe Coutinho, Douglas Costa, Willian, Gabriel Jesus e Roberto Firmino. Mas, não custa lembrar, o futebol é dinâmico.

OS 23 CONVOCADOS PARA O AMISTOSO COM A COLÔMBIA

Goleiros – Muralha (Flamengo), Danilo Fernandes (Inter) e Wéverton (Atlético-PR);

Laterais-direitos – Fagner (Corinthians) e Marcos Rocha (Atlético-MG);

Laterais-esquerdos – Fábio Santos (Corinthians) e Jorge (Flamengo);

Zagueiros – Rodrigo Caio (São Paulo), Geromel (Grêmio), Vítor Hugo (Palmeiras) e Luan (Vasco);

Volantes – Walace (Grêmio), Henrique (Cruzeiro) e Willian Arão (Flamengo);

Meias – Lucas Lima (Santos), Camilo (Botafogo), Diego (Flamengo), Rodriguinho (Corinthians) e Gustavo Scarpa (Fluminense);

Atacantes – Diego Souza (Sport), Dudu (Palmeiras), Luan (Grêmio) e Robinho (Santos).

OS QUE JÁ TÊM VAGA NA PRINCIPAL

Goleiro – Alisson (Roma);

Lateral-direito – Daniel Alves (Juventus);

Laterais-esquerdos – Marcelo (Real Madrid) e Filipe Luís (Atlético de Madrid);

Zagueiros – Marquinhos (PSG), Thiago Silva (PSG) e Miranda (Inter de Milão);

Volantes – Fernandinho (Manchester City) e Casemiro (Real Madrid);

Meias – Paulinho (Guangzhou), Renato Augusto (Beijing Guoan) e Giuliano (Zenit);

Atacantes – Neymar (Barcelona), Philippe Coutinho (Liverpool), Douglas Costa (Bayern de Munique), Willian (Chelsea), Gabriel Jesus (Manchester City) e Roberto Firmino (Liverpool).