Depois de susto com lesão, Coutinho espera voltar antes de 2017

Fora das duas últimas partidas do Liverpool pelo Campeonato Inglês, Philippe Coutinho tem se mostrado animado com as expectativas de seu retorno. Em fase final de recuperação por conta de uma lesão no tornozelo, o camisa 10 antecipou o prazo de um mês e meio estipulado pelos médicos e disse que espera estar 100% pronto e disponível para o confronto contra o Manchester City, no dia 31 de dezembro.

"Essa é minha esperança, retornar neste jogo (diante do City)", declarou o meia, em entrevista ao site oficial do clube. "A recuperação está indo realmente bem. Eu posso andar sem imobilização e eu estou trabalhando bem com a equipe médica. Estou feliz em como estou evoluindo", completou.

A esperança com a volta, no entanto, não será responsável por deixar o atleta apto para os próximos três compromissos dos Reds. O time comandado por Jurgen Klopp encara Middlesbrough, Everton e Stoke City, respectivamente, antes da partida contra os Citzens.

Apesar de se mostrar animado com o retorno, Coutinho revelou que passou momentos de tensão com a lesão. Após sair do gramado com muitas dores, durante a vitória de 2 a 0 do Liverpool com o Sunderland, no dia 26 de novembro, o jogador revelou que ficou muito preocupado e que teve medo de demorar muito para voltar a atuar.

"Logo depois do jogo, quando eu vi as fotos e os vídeos do meu machucado, eu fiquei com muito medo", apontou. "No entanto, depois dos exames, é claro, foi ruim, mas não ão ruim quando eu pensei que seria. Pensei que minha situação seria muito pior", finalizou.