Diante de desfalques, Jean vê chance de provar qualidade do elenco palmeirense

O Palmeiras enfrentará o Santos às 20h30 (de Brasília) desta terça-feira, no Palestra Itália, com a missão de provar ao técnico Cuca que o elenco tem qualidade suficiente para manter o time na disputa pelo título brasileiro até o final da temporada. O Verdão, que poderá ter até cinco desfalques no clássico, entende que vencer um jogo sem nomes de destaque do plantel trará confiança para manter a equipe embalada na competição nacional.

De acordo com o versátil Jean, o duelo com o Peixe será um teste de força para a equipe. O principal desfalque para Cuca será o artilheiro Gabriel Jesus, que recebeu o cartão amarelo e terá de cumprir suspensão. Também deverão cumprir suspensão o volante Thiago Santos e o atacante Róger Guedes.

Já o versátil Tchê Tchê e o meia Moisés se recuperam de lesões e são dúvidas para a partida. "[Vencer o clássico] não aumenta só a confiança de alguns jogadores, mas de todo o elenco. Podemos dar esse respaldo para o Cuca saber que pode confiar no elenco quando houver ausências. Amanhã será o teste para mostrar a força do elenco", disse o lateral direito Jean.

Segundo o jogador, o clássico servirá como um termômetro para as rodadas que o Palmeiras ficará desfalcado de Gabriel Jesus e Fernando Prass. Os atletas foram convocados para as Olimpíadas do Rio de Janeiro e poderão se ausentar por até seis rodadas do campeonato nacional se a Seleção Brasileira avançar até a final da competição.

"Temos que encarar naturalmente. Daqui um tempo o Gabriel Jesus estará na Seleção olímpica, então precisamos começar a trabalhar algumas opções para a ausência dele não fazer tanta falta. Claro que sentiremos o desfalque, porque ele é um jogador de qualidade. Mas temo que trabalhar para ele não fazer tanta falta assim", afirmou Jean.

O Palmeiras está com 28 pontos e lidera o Brasileirão graças ao saldo de gols superior ao do Corinthians, que tem a mesma pontuação e ocupa a segunda colocação. A provável equipe titular do Verdão contará com Fernando Prass; Jean, Mina, Vitor Hugo e Zé Roberto; Matheus Sales, Arouca (Moisés) e Cleiton Xavier; Erik, Dudu e Lucas Barrios.