EUA atropela Rússia e defenderá título contra o Brasil

Foi definido o adversário do Brasil na grande final do Grand Prix de vôlei. Neste sábado, as atuais campeãs dos Estados Unidos varreram a Rússia por 3 sets a 0 numa reedição da final de 2015 e definirão o título de 2016 contra a seleção de José Roberto Guimarães.

Na partida, a equipe comandada pela lenda viva Karch Kiraly não tomou conhecimento das atuais campeãs olímpicas da Rússia. Com um ataque implacável e um saque potente, as norte-americanas venceram em parciais diretas de 25-20, 25-23 e 25-14.

A ponteira Kimberly Hill foi a maior pontuadora da partida, com 17 pontos - 11 em ataques, um em bloqueio e cinco aces. A oposta russa Nataliya Goncharova veio na sequência, com 14 (11 ataques e três bloqueios).

Foram nove aces dos Estados Unidos na partida contra apenas um da Rússia. As euroasiáticas foram muito melhores no quesito bloqueio: 15 contra sete. O grande diferencial, contudo, veio nas bolas ao chão. Em ataques, os EUA fizeram 46 pontos contra 25 das rivais.

As equipes voltarão a se encontrar em uma final de Grand Prix após quatro anos. Nas últimas oito edições da competição, cada uma levou quatro títulos, dominando o circuito mundial. O Brasil é o maior campeão do torneio, com 10 triunfos, com os EUA em seu encalço, com seis. A grande final na cidade de Bangkok, na Tailândia, às 8h (de Brasília).