Tite é recebido por batalhão por nova notícia sobre Seleção Brasileira

Na volta do Corinthians da Colômbia, Tite até conseguiu sair com alguma tranquilidade de um dos portões de desembarque do aeroporto de Cumbica, em Guarulhos. Um batalhão de jornalistas, então, percebeu sua movimentação e saiu em desabalada carreira atrás do treinador, ligado à Seleção Brasileira em mais uma notícia.

O gaúcho caminhou com dificuldade até o ônibus alvinegro, à espera da delegação responsável pelo empate por 1 a 1 com o Santa Fe, em Bogotá, pela Copa Libertadores. Limitou-se a dizer que não concederia entrevistas, como é a regra em suas passagens por aeroportos.

A informação do dia, divulgada pelo site Globoesporte.com, foi que Tite voltou a recusar nesta semana um convite da Seleção. De qualquer maneira, ao menos por enquanto, ele permanece no comando da equipe do Parque São Jorge, e Dunga segue à frente do time verde-amarelo.

“Cara, o Tite é um cara extremamente inteligente. Então, se ele for, vou ficar muito feliz, porque ele merece. É um cara que trabalha sério. Mas a gente sabe que o Corinthians vai ficar um pouquinho… Né? Mas isso faz parte. É um cara que merece muito”, disse Felipe, surpreendido com o assunto.

O beque foi recentemente chamado por Dunga para sua primeira participação na Seleção. Ele não tem dúvida de que eventualmente chegará a vez de Tite. “Como eu falei, ele merece. Trabalha sério, é justo, gosta de ver seus atletas em alto nível. A gente sabe que, uma hora ou outra, vai estar na Seleção.”

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais