Magno Alves faz golaço, Flu vence o America e se classifica no Carioca

Sob os olhares atentos do novo técnico Levir Culpi, que assistiu ao jogo do camarote do estádio, o Fluminense bateu o America por 1 a 0 na tarde deste domingo, no Los Lários, em Xerém. Magno Alves, que substituiu Pierre no intervalo, fez novamente a estrela de Marcão brilhar ao entrar e marcar o gol da vitória do Tricolor aos 20 minutos da segunda etapa em  chutaço que concluiu belo lance individual do atacante pela esquerda. Com o resultado, o Flu chegou a 13 pontos, subiu para terceiro lugar no Grupo A e garantiu lugar na segunda fase do Campeonato Carioca.

Conforme definido pela tabela, o Tricolor enfrentará o primeiro lugar do Grupo B e terá o clássico diante do Botafogo pela frente na primeira rodada da segunda fase, na qual os oito times classificados se enfrentam. Antes, porém, o Fluminense enfrenta o Criciúma, na próxima quinta, pela Copa da Primeira Liga, em local a ser definido. A partida pode marcar a estreia de Levir Culpi no comando do Time de Guerreiros.

Com o forte calor que fazia no estádio, o equilíbrio marcou as ações do jogo, principalmente na primeira etapa. Enquanto Cícero era o homem mais perigoso do Fluminense na frente e por pouco não abriu o placar logo aos sete minutos em chute de fora da área, Diego Cavalieri mostrava segurança e garantia o placar em branco com boas intervenções nas poucas, porém boas, chegadas da equipe do America.

A melhor chance do Fluminense aconteceu em lance de puro oportunismo de Diego Souza, que acertou bela cabeçada no travessão aos 27 minutos. No rebote, o próprio camisa 10 tricolor obrigou o goleiro do America a operar praticamente um milagre para impedir o gol inaugural da partida. Logo depois, Edson invadiu com liberdade pela direita e tentou o cruzamento, mas a zaga adversária afastou o perigo.

Veio o segundo tempo e Marcão lançou o Fluminense ao ataque. Magno Alves e Jonathan entraram nos lugares de Pierre e Giovanni, respectivamente. O Flu martelava o America em busca do primeiro gol, mas foi Diego Cavalieri quem arrancou os aplausos da torcida tricolor presente ao fazer linda defesa em chute de chute de fora da área de PH, que ainda resvalou no travessão antes de sair.

Aos 20 minutos, brilhou a estrela da dupla – que já esteve junta nos gramados com a armadura tricolor – Marcão e Magno Alves. O auxiliar permanente, que fazia seu segundo jogo à beira do campo como técnico do Fluminense, viu Magnata receber com liberdade pela esquerda, limpar o lance com muita categoria e soltar uma bomba, sem qualquer chance de defesa para o goleiro do America, e abrir o placar em Xerém. Golaço.

Com a vitória parcial, o Fluminense passou a controlar ainda mais as ações do jogo. Ao fim do jogo, vitória do Fluminense e muita festa para Marcão, que cumpriu o papel com maestria com dois triunfos e agora passa o bastão para Levir Culpi e auxiliará o novo comandante na sequência da temporada.

Com site oficial do Fluminense

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais