Chuva embaralha o grid e Barrichello é o melhor na chuva

Atual campeão larga no final, mas anda bem com a pista molhada

O treino classificatório da última etapa da Stock Car de 2015 foi daqueles emocionante como uma decisão requer. Pelo regulamento, entram na pista quatro pilotos por grupo, de acordo com a ordem invertida da classificação do campeonato. 

Quando chegou a vez dos nove melhores da tabela geral, a chuva caía forte por toda extensão do Autódromo José Carlos Pace, em Interlagos, e literalmente bagunçou todo o treino, pois os outros 24 pilotos se classificaram com pista seca. 

Dos nove que andaram as três voltas no asfalto molhado, Rubens Barrichello, da Medley Full Time, foi o melhor deles. Mesmo assim, o atual campeão da Stock Car larga na 25ª posição. Os postulantes ao título, Cacá Bueno (vice-líder) e Marquinhos Gomes, largam logo atrás de Barrichello, na 26ª e 27ª posição, respectivamente. 

“Pela a situação que a pista se apresentava, fizemos tudo que podíamos. São coisas que acontece no automobilismo e, por isso, temos que tirar o melhor proveito delas. Foi exatamente o que fizemos hoje”, comentou Barrichello.