Ronaldinho treina com bola, mas estreia não é confirmada

A torcida tricolor voltou a lotar as Laranjeiras para acompanhar o meia Ronaldinho Gaúcho nas atividades. Na tarde desta terça-feira, o craque, ovacionado, fez seu primeiro treino com bola junto ao restante da equipe. Apesar disso, sua presença na partida contra o Grêmio, neste sábado, ainda não confirmada.

“Não posso dizer se o Ronaldinho vai ou não estrear no sábado. Hoje foi o primeiro treino dele com bola, mas independentemente da estreia dele, a torcida irá comparecer no Maracanã. Isso não diz respeito ao departamento de futebol. Ele está sendo avaliado, e a resposta deve ser dada apenas na quinta-feira. Nossa vontade é que ele jogue, mas vamos ter de aguardar”, afirmou o vice-presidente de futebol do Fluminense, Mário Bittencourt.

No trabalho, Ronaldinho procurou se movimentar e buscar as jogadas. Num cinco contra cinco em campo reduzido, o meia se destacou com passes precisos e um belo gol. Depois, ainda balançou as redes mais três vezes, com direito à comemoração da torcida em todos os cinco tentos.

“Ele é um astro do futebol mundial. Sabíamos que a presença da torcida iria mudar, mas nada mudou na diretoria ou no departamento de futebol. O Fluminense, hoje, é competitivo, estamos passando por uma boa fase, mas mantendo os pés no chão”, declarou o dirigente.

A ausência no treino ficou por conta de Fred. O atacante realizou um trabalho de fortalecimento muscular na academia, mas não deve ser desfalque para o jogo contra o Grêmio. No último domingo, quando o Fluminense foi derrotado pela Chapecoense por 2 a 1, o camisa 9 foi substituído no começo do segundo tempo, reclamando de dores na coxa esquerda.

“Ele é um astro do futebol mundial. Sabíamos que a presença da torcida iria mudar, mas nada mudou na diretoria ou no departamento de futebol. O Fluminense, hoje, é competitivo, estamos passando por uma boa fase, mas mantendo os pés no chão”, declarou o dirigente.

A ausência no treino ficou por conta de Fred. O atacante realizou um trabalho de fortalecimento muscular na academia, mas não deve ser desfalque para o jogo contra o Grêmio. No último domingo, quando o Fluminense foi derrotado pela Chapecoense por 2 a 1, o camisa 9 foi substituído no começo do segundo tempo, reclamando de dores na coxa esquerda.