Adeus, Mago! Al Wahda anuncia acordo com Valdivia

Meia deixará Palmeiras no momento em que conseguiu ter boa sequência pelo Chile na Copa América

A segunda passagem de Valdivia pela Palmeiras está, de fato, a poucos dias do fim. As informações veiculadas pela imprensa árabe na última quarta-feira se confirmaram e, nesta tarde, o Al Wahda anunciou que terá o chileno após o término do contrato dele com o clube alviverde, em 17 de agosto.

Por meio comunicado no site oficial, a equipe dos Emirados Árabes falou em fatos “consistentes com a estrela chilena” e informou que houve “acordo entre as duas partes para todos os itens do contrato”. O Al Wahda ainda finalizou a nota dizendo que apenas “aguarda a conclusão da participação do jogador na Copa América e o término de seu contrato com o Palmeiras para completar os exames médicos agendados”.

Isto quer dizer que, a partir de 17 agosto, quando o contrato de Valdivia com o clube paulista se encerra, o chileno jogará, sim, no Al Wahda - que recentemente também tirou o volante Denílson do São Paulo. Será a volta do camisa 10 ao futebol árabe após cinco anos. O meia já atuou pelo Al Ain entre 2008 e 2010 - quando disputou 49 partidas e anotou 18 gols.

Depois de deixar o Palmeiras como ídolo em 2008, Valdivia agora vai sair do clube bastante questionado. O chileno voltou em 2010, mas, desde então, passou a viver uma relação de amor e ódio com a torcida.

Se, por um lado, alguns fãs reconheceram a importância do jogador como um dos maiores (para não dizer único) talento do time nos últimos anos, outros se irritaram com as constantes lesões e desfalques do chileno.

Ele negociava a renovação contratual desde o término do ano passado, mas o modelo de produtividade oferecido por Paulo Nobre e Alexandre Mattos nunca o agradou. Houve alfinetadas públicas, entrevistas polêmicas, indício de renovação, mas, no fim, Valdivia vai, mesmo, deixar o Palmeiras.

Ou será que não? A pergunta é pertinente porque, no ano passado, o meia acertou transferência para o Al Fujairah, também dos Emirados Árabes Unidos, mas acabou não deixando o Palmeiras. Valdivia chegou a viajar para conhecer as instalações do clube árabe e assinar contrato, mas, dias depois, o acordo não foi concretizado, e o atleta retornou ao time paulista após um período na Disney.