Ajax bate Barça na Champions e respira; Milan vence com gol de Kaká

O Ajax recebeu nesta terça-feira o poderoso Barcelona em Amsterdã e conquistou um importante resultado na Liga dos Campeões. A equipe holandesa derrotou os catalães por 2 a 1 e continua com chance de classificação às oitavas de final da competição. No outro jogo do Grupo H, o Milan venceu o eliminado Celtic por 3 a 0 fora de casa e ficou em situação mais confortável.

Com os resultados do dia, o time de Milão segue na segunda posição da chave, agora com oito pontos, a dois do líder e já classificado Barcelona. Para carimbar a vaga para as oitavas, o Milan precisa apenas de um empate com o Ajax na última rodada. Os holandeses estão com sete pontos e avançam de fase caso consigam a vitória na Itália.

Esta situação só é possível por conta da vitória do Ajax sobre o Barça nesta terça. Sem Lionel Messi, o brasileiro Neymar foi o principal jogador dos catalães, e o ex-santista se destacou ao sofrer pênalti e em jogadas velozes.

Em um primeiro tempo de pouca inspiração, o Barcelona viu o Ajax abrir o placar aos 18min. Serero recebeu bola de Van Rhijn e tocou no canto esquerdo de Pinto. Os holandeses ampliaram aos 41min em um belo lance. Depois de rebote do goleiro catalão, Hoesen aplicou um "chapéu" em Puyol e tocou entre as pernas de Piqué para marcar.

O Barcelona só conseguiu descontar depois do intervalo e em lance polêmico. Neymar foi derrubado por Veltman no limite da área, e arbitragem optou por assinalar pênalti e expulsar o defensor holandês. Xavi foi para a cobrança e converteu com precisão.

Milan vence na Escócia com gol de Kaká

A vaga para as oitavas de final da Liga dos Campeões ficou mais perto para o Milan por conta de vitória por 3 a 0 sobre o Celtic fora de casa. A equipe rubro-negra, que vive momento ruim no Campeonato Italiano, teve Kaká entre os titulares e Robinho no banco de reservas. E coube ao ex-são-paulino a missão de abrir o placar.

Aos 13min, o meia aproveitou cobrança de escanteio, subiu sozinho entre a marcação e desviou para o fundo das redes. Depois do intervalo, aos 4min, Zapata ampliou em novo tiro de canto. Balotelli garantiu o resultado para o Milan aos 15min, depois de se desvencilhar da marcação e tocar no canto direito do goleiro.