Botafogo: "O importante é não sair do G-4", diz Rafael Marques

A persistência de Rafael Marques já rendeu frutos consideráveis. De um início sob desconfiança, a um gol de título carioca e artilharia do Botafogo em 2013, o jogador já conquistou seu espaço no time, agora atuando como meia. O bom momento pessoal o agrada.

"Desde o começo do ano vinha trabalhando, não via a hora de fazer pré-temporada e atuar como sempre gostei. Os jogadores foram vendo este meu modo de jogar. Mantive a tranquilidade, sabendo da minha capacidade e que podia dar essa volta por cima. Hoje, é bom poder entrar em campo e ter o apoio da torcida, é o que me dá força e tranquilidade para atuar bem", comemora Rafael Marques, que vê seu exemplo como positivo.

"Persistir tem que ser do ser humano, desistir nunca. A equipe está demonstrando o quanto está focada e querendo o objetivo maior, esse título tão esperado por nós e pelos alvinegros", comenta.

A análise de Rafael Marques vem em um momento que o Botafogo empata dois jogos (Atlético-MG e Goiás), mas não baixa a confiança, apesar da cobrança interna do próprio grupo por correção dos erros. Afinal, o time continua dividindo a liderança com o Cruzeiro e se mantém na parte de cima da tabela, meta desde o início.

"O importante é não sair do G-4 e estar sempre somando. Temos objetivo de sempre pontuar e estamos alcançando. Contra o Internacional, quinta-feira, é confronto direto, jogo de seis pontos, mas o mando é nosso. Com o apoio da torcida, que vai comparecer e dar força, vamos buscar a vitória", garante.

Nesta segunda-feira, o elenco se reapresentou no Stadium Rio. Os titulares fizeram musculação e os demais foram no campo anexo, no dia que o Botafogo completa 109 anos de seu futebol. A data foi lembrada por Rafael Marques.

"Parabéns ao Botafogo por esses 109 anos. Espero, com este grupo, fazer parte da história com uma conquista no fim do ano", ambiciona o atacante.

Com site do Botafogo