"A equipe se comprometeu muito", elogia Mano Menezes

O Flamengo fez mais uma boa partida sob o comando de Mano Menezes na tarde deste domingo (21.07), em Caxias do Sul. O time se mostrou muito obediente em termos táticos e conseguiu encaixar bons contra-ataques. Mas como futebol e justiça não combinam, o Mais Querido saiu de campo derrotado por 1 a 0. Após o apito final, o treinador rubro-negro reconheceu a boa atuação de seus comandados.

"A equipe se comprometeu muito com uma ideia de jogo, sofreu nos primeiros 20 minutos e depois encaixou bem. Igualamos no primeiro tempo. No segundo, naturalmente, o Internacional forçou, até como mandante. Mas sempre tivemos essa situação muito controlada. Ao meu ver, nos últimos 15 minutos tivemos três ou quatro contra-ataques para matar o jogo. Saímos convictos de que a evolução continuou. Perder ou ganhar faz parte de um campeonato duro. A equipe foi sólida e consistente", analisou o treinador do Flamengo.

Mano Menezes também fez elogios individuais. Por conta das lesões de Cáceres e Gabriel, ele escalou Diego Silva e Bruninho. O meia-atacante foi participativo no ataque e voltou para ajudar na marcação durante todo o tempo em que esteve em campo. Já o volante se destacou, principalmente, na marcação de D´Alessandro, o principal pensador da equipe do Internacional.

"O Bruninho entrou para termos força pelo lado. Assim estamos jogando, com o Gabriel fazendo essa função. Contra o ASA, experimentamos o Val, mas o time perdeu potência ofensiva. Foi uma quase estreia e ele fez algumas coisas boas, em outras teve a dificuldade natural de enfrentar um jogador como o Kléber. O Diego se posicionou bem, roubou bem a bola, marcou bem D´Alessandro, o que é difícil. Os dois deram uma resposta positiva", falou o técnico do Flamengo.

Com site do Flamengo