Léo Moura: 'Flamengo é tudo para mim'

Dia 12 de junho de 2005 foi a data em que o namoro entre Leonardo Moura e Flamengo começou profissionalmente. Mas a relação dos dois teve início muito antes daquele jogo entre Corinthians e Flamengo, há exatos oito anos, que marcou a estreia do lateral pelo Rubro-Negro. "Estou feliz, emocionado, realizado, agradecido... São muitos sentimentos. São oito anos defendendo meu time de coração. Desde criança, sempre fui torcedor do Flamengo. Cada dia vivido dentro do clube é intenso, com amor e paixão. É maravilhoso", contou o lateral.

Léo Moura tem 34 anos. Ainda criancinha, quando era apenas um torcedor na década de 1980, ele viu os principais títulos da história rubro-negra. Chegou, inclusive, a entrar de mãos dadas com Zico em um jogo no Maracanã. Hoje, já ídolo do clube, ele pode se orgulhar de ter visto as seis últimas conquistas do Flamengo de dentro do campo, como jogador."Flamengo é tudo para mim. Sou apaixonado pelo futebol e agradecido ao esporte por tudo que me proporcionou. Graças a Deus, as coisas deram certo para mim no clube e vou morrer Flamengo, pois o Flamengo é tudo para mim", disse Léo Moura, que já ganhou um Brasileirão, uma Copa do Brasil e quatro Estaduais.

Além de muitas vezes campeão pelo Flamengo, Léo Moura também está na história do clube por ser um dos quinze jogadores que mais entraram em campo com a camisa rubro-negra. Hoje, ele ocupa a 14ª posição desse ranking, com 432 jogos disputados. Atrás dele, está Leandro, maior lateral direito do clube em todos os tempos, com 418 partidas.

O próximo jogador a ter a marca batida por Leonardo Moura será Paulo Henrique. O ex-lateral esquerdo, antecessor do Maestro Junior, entrou em campo pelo Flamengo em 437 oportunidades. Além do expressivo número de jogos, Léo também se destaca pela quantidade de gols que já marcou pelo Fla. São 43 no total, um número alto para um atleta da sua posição.