Aldo Rebelo aposta em "Neymar, Lucas e outros" para ganhar a Copa

A Copa do Mundo de Futebol não deve ser só realizada no Brasil, em 2014, mas deverá ter o país também na partida final pelo título. O palpite é do ministro do Esporte, Aldo Rebelo. Ele está em Nova York participando do Terceiro Fórum Internacional sobre Esporte para o Desenvolvimento, onde discursa nesta quinta-feira.

O ministro do Esporte explicou seu palpite para a partida final da Copa do Mundo: "Na Copa do Mundo, o Brasil é favorito não apenas porque tem uma excelente Seleção, tem jogadores excepcionais como Neymar, Lucas, entre outros, e joga em casa com apoio da sua torcida. Eu acho que isso nos torna favoritos para o título. Como também nos torna favoritos para a Copa das Confederações. Por isso eu faço um palpite simples: Brasil".

Durante sua participação no Fórum Internacional sobre Esporte na ONU, Aldo Rebelo deve falar sobre a cooperação do Brasil com outros países de língua portuguesa no setor. 

Ele citou ainda características da população brasileira como tolerância cultural e religiosa, que deverão ser evidenciadas durante a realização da Copa e das Olimpíadas no país. Para Rebelo, o esporte é ainda um elemento poderoso para gerar inclusão social.