MPRJ recomenda à Ferj jogos de portões fechados na espera por laudos

O Ministério Público do Rio encaminhou à Federação de Futebol do Estado do Rio (Ferj), na tarde desta quarta-feira (13/03), uma recomendação para que as partidas do campeonato carioca sejam realizadas sem público, com os portões fechados, até que a Ferj apresente ao MP novos laudos técnicos que atestem as condições de segurança do público nos estádios. 

De acordo com a recomendação expedida pela 4ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa do Consumidor e do Contribuinte da Capital, os laudos de engenharia, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e da Vigilância Sanitária apresentados antes do campeonato não contemplavam a liberação de bebida prevista na Resolução nº 12/13 da Federação. Segundo um trecho do documento, a venda e o consumo de cerveja nos estádios, repudiada pelos órgãos de segurança pública, invalida os laudos anteriormente apresentados, sendo necessários novos laudos.

A Federação foi informada, via fax, às 13h34 sobre a recomendação. Foi estipulado um prazo de 24 horas para que a Ferj responda se vai acatar ou não a medida. A pena prevista para o descumprimento da recomendação é a destituição do presidente da Ferj e do presidente do clube com mando de jogo, por meio de uma Ação Civil Pública que poderá ser proposta pelo MP à Justiça. A medida adotada nesta quarta-feira faz parte do inquérito civil instaurado pelo MP.