Com ministro vaiado em premiação, Nadal agradece fãs em "semana bonita" 

A cerimônia de premiação da edição 2013 do Brasil Open incluiu um momento constrangedor. O Ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e o diretor do torneio, Luiz Felipe Tavares, foram bastante vaiados pelo público que lotava o Ginásio do Ibirapuera, com capacidade para 9.300 espectadores.

Na cerimônia, foram premiados os campeões e vice do torneio individual de simples – respectivamente o espanhol Rafael Nadal e o argentino David Nalbandian – e os campeões e vice do torneio de duplas – respectivamente Bruno Soares/Alexander Peya e Frantisek Cermak/Michal Mertinak.

Quando foram chamados para se dirigirem à quadra do ginásio antes da cerimônia, Rebelo e Tavares receberam muitas vaias por parte do público. Durante a premiação, os nomes de ambos foram chamados novamente: o primeiro para premiar Nadal e o segundo para entregar uma homenagem a Soares. Eles ouviram novas vaias, especialmente o ministro.

Segundo a emissora BandSports, Nalbandian chegou a questionar Soares sobre os motivos da reação do público, mas o tenista brasileiro não soube responder.