Ministro defende "rigor muito grande" para cumprir cronograma da Copa

O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, afirmou nesta sexta-feira que o governo brasileiro trabalha com o "cumprimento de todos os prazos" em relação às obras para a Copa do Mundo de 2014. Rebelo rebateu as afirmações do vice-presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e representante brasileiro do Comitê-Executivo da Fifa, Marco Polo del Nero. O advogado afirmou que a Fifa cobra resultados do governo brasileiro com razão e disse acreditar que tudo será entregue num prazo diferente do que quer a Fifa.

"O governo trabalha com o cumprimento de todos os prazos, nenhum governo pode trabalhar sem isso. O governo tem dois cronogramas básicos: um é o da infraestrutura esportiva propriamente dita, que é a construção dos estádios, que acompanhamos diretamente cada obra. Quatro serão entregues até abril, outros seis até dezembro. Outras são obras de infraestrutura", disse o ministro.

Segundo Rebelo, este ano o governo vai visitar cada um dos seis Estados que vão receber jogos da Copa das Confederações, com o objetivo de repassar toda a programação, preparação e organização dos jogos, ao lado de representantes dos governos locais. "Há da nossa parte um rigor muito grande no cumprimento das tarefas para o bom andamento da Copa das Confederações e da Copa do Mundo", afirmou.