Candidatos à presidência do Flamengo variam estratégias na luta por votos

Vale praticamente tudo para convencer o sócio flamenguista a escolher uma chapa na eleição presidencial do clube. De pagamento de táxi a propaganda feita por beldades, os três candidatos optaram por estratégias parecidas, mas com execuções distintas na última chance de receber um voto no pleito que mobiliza os sócios nesta segunda-feira, na Gávea, zona sul do Rio de Janeiro.

A chapa com maior número de militantes é a rosa. O candidato Jorge Rodrigues, cuja chapa recebeu a adesão de dois outros candidatos inicialmente lançados, distribuiu grande número de camisetas e rosas para as eleitoras. A cor acaba por se destacar na sede social do clube. Além disso, o empresário, dono de uma das patrocinadoras do clube, chegou a providenciar o serviço de táxis para os sócios que prometeram votar nele e não tinham como se locomover até o local de votação com facilidade.

Patricia Amorim, que inaugurou um estacionamento anexo à Gávea no dia da eleição, apelou para beldades para tentar convencer a vasta maioria masculina dos sócios. Um corredor com 10 modelos espera os eleitores no caminho das urnas. Elas oferecem camisetas e folhetos sobre a atual presidente do clube, que tenta a reeleição.

Alguns sócios com a camisa azul da chapa do empresário Eduardo Bandeira de Mello chegaram a comentar que contra a beleza da comitiva de Patrícia não era possível competir. A chapa é a que menos investiu em propaganda de boca de urna no pleito, talvez por ser a grande favorita e contar com o apoio mais importante, do maior ídolo da história do time, Zico.

Mais de 1,1 mil sócios dos 5,9 mil aptos para votar já haviam passado pelas urnas do clube até as 14h (de Brasília). Segundo pesquisas de boca de urna das rádios locais que cobrem o pleito, Eduardo Bandeira de Mello está na frente da disputa com mais de 50% dos votos. Patrícia Amorim viria atrás, mas 220 sócios não declararam em quem iriam votar, o que pode alterar um pouco o panorama.

Zico e o ex-presidente Kleber Leite foram as personalidades que declararam voto para a chapa de Bandeira de Mello. A ginasta Daniele Hypolito e a técnica Georgette Vidor, além do nadador César Cielo e do técnico de futebol Vanderlei Luxemburgo votaram em Patricia Amorim. Jorge Rodrigues tem o apoio do sambista Diogo Nogueira, que ficou na Gávea para fazer propaganda de boca de urna para o seu candidato.