Jogador da NFL comete suicídio após suposto assassinato de namorada

Um jogador do Kansas City Chiefs, cujo nome não foi divulgado, cometeu suicídio dentro das instalações da franquia da NFL. A liga profissional de futebol americano confirmou a informação em nota publicada em seu site oficial, neste sábado. 

Segundo a nota, a supervisora da comunicação da polícia de Kansas City, Kathy Childs, confirmou que o jogador em questão se suicidou com uma arma de fogo nas instalações da equipe, próxima ao Arrowhead Stadium. O tiro ocorreu às 7h50 locais (3h50 de Brasília) deste sábado, de acordo com a funcionária. Ela ainda afirmou que a polícia sabe o nome do atleta, mas se recusou a divulgá-lo porque o caso ainda está sob investigação. 

A polícia ainda confirmou que outro tiro foi dado, também relacionado à mesma história, próximo do local. Segundo a rede americana ESPN, oficiais da polícia local disseram que estão trabalhando com a hipótese de que o jogador atirou na namorada, assasinando-a, quando estava em casa. Depois, ele teria dirigido até o Arrowhead Stadium, arena dos Chiefs, e então cometido suicídio.

Em comunicado, a franquia não deu muitos detalhes sobre o assunto e confirmou somente que houve um incidente no estádio nesta manhã e apontou que está “cooperando com as autoridades na investigação”. Não houve outras pessoas feridas no local, de acordo com a polícia.

O Kansas City faz temporada ruim na NFL, ocupando a quarta posição da divisão Oeste AFC (Conferência Americana). A equipe soma uma vitória em 11 partidas disputadas e se prepara para receber neste domingo o Carolina Panthers.

A agência AP aponta que o jogador em questão tem 25 anos e que o suicídio ocorreu exatamente no estacionamento do Arrowhead Stadium, a arena dos Chiefs. A polícia ainda não confirmou essas informações.