Julgamento de recurso no STJD pode tirar Marcelo Moreno do Gre-Nal

O centroavante gremista Marcelo Moreno corre o risco de ficar de fora do clássico Gre-Nal, pela última rodada do Brasileiro, no próximo domingo. Moreno, que foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) devido à expulsão na partida contra o Fluminense, por ter dado uma cotovelada em Rafael Sóbis, vinha atuando normalmente através de um recurso obtido pelo departamento jurídico gremista.

O recurso será julgado nesta quinta-feira no pleno do STJD e o jogador, que foi denunciado por agressão física, corre o risco de ter a portaria caçada, voltando à punição de suspensão por quatro jogos.

A estratégia do departamento jurídico gremista é tentar desqualificar Moreno do artigo 254-A, e passar para jogada violenta ou ato hostil, que tem punição de um a quatro jogos de suspensão.

"Não tem elementos na súmula que comprovem uma agressão por isto vamos tentar passar para outro artigo e não por jogada violenta", disse o advogado gremista Gustavo Pinheiro.

Além da questão jurídica o centroavante gremista, goleador do tricolor no Brasileiro com dez gols marcados, se recupera de uma tendinite no tendão de Aquiles, lesão que o impediu de atuar contra o Figueirense, no último domingo.