Sem sustos, brasileiros estreiam com vitória na bocha individual 

As disputas individuais da bocha tiveram início nesta quarta-feira nos Jogos Paralímpicos de Londres e já contaram com a participação de quatro paratletas brasileiros na ExCel Arena. Os representantes do país obtiveram quatro vitórias e apenas uma derrota e seguem na briga por medalhas na competição britânica.

Pela classe BC3 (para jogadores com deficiências muito severas), Daniele Martins estreou vencendo a sueca Christoffer Hagdahl por 6 a 2. Nas oitavas de final, mais uma vitória, desta vez contra a tailandesa Tanimpat Visaratanutna, por 7 a 2. Por uma vaga na semifinal, ela enfrenta Armando Costa, de Portugal, às 6h05 (de Brasília) na próxima quinta-feira.

Competindo pela pela classe BC1 (para jogadores que podem competir com o auxílio de ajudantes, que devem permanecer fora da área de jogo), José Carlos Chagas de Oliveira estreou com vitória sobre Jakub Nagy, da Eslováquia, por 4 a 2. Nas quartas de final, ele terá pela frente o sul-coreano Kwang-Min Ji, ainda nesta quarta, às 14h50 (de Brasília).

Maciel Sousa Santos teve um bom desempenho na estreia pela classe C2 (para jogadores que não podem receber assistência) e bateu o espanhol Pedro Cordero Martin por 9 a 1. Na próxima rodada, quinta-feira, às 5h (de Brasília), ele terá pela frente o canadense Adam Dukovich.

A única derrota do dia foi de Natali Mello de Faria, também da C2, que acabou sendo atropelada pelo japonês Takayuki Hirose, por 12 a 0, e acabou eliminada da competição.