Brasileiros seguem na lanterna da vela em Londres

Competindo apenas para cumprir tabela, a dupla brasileira formada pelo ex-goleiro do São Paulo Bruno Landgraf e Elaine Cunha conseguiu o 10º e o 11º lugar nas duas regatas da classe SKUD18 (para duas pessoas) da vela, disputadas nesta quarta-feira, em Weymouth e Portland, e segue na 11ª e última posição na classificação geral.

Com 108 pontos perdidos, a dupla do país não tem chances de subir ao pódio, já que resta apenas uma regata para a definição dos campeões. Os líderes Daniel Fitzgibbon e Liels Tesch, da Austrália, seguem na liderança, com 17 pontos perdidos.

A briga pela medalha de prata está acirrada entre os americanos Jen French e Jp Creignou, com 25 pontos perdidos, e os britânicos Alexandra Rickham e Niki Birrell, com 27.

Os paratletas voltam a competir nesta quinta-feira, às 9h (de Brasília), quando disputam a 11ª e última regata. Quem somar o menor número de pontos perdidos conquista a medalha de ouro.