Surfista brasileiro fica em coma após acidente em onda gigante no México 

O surfista potiguar Aldemir Calunga, de 39 anos, está em coma induzido na UTI de um hospital na Cidade do México após ter o rosto perfurado enquanto surfava uma onda gigante na praia de Puerto Escondido, na costa oeste mexicana, neste domingo. As informações são do Jornal do SBT.

Calunga teve de ser ressuscitado na praia ao ser resgatado e seu estado de saúde é estável. O potiguar é especialista em ondas gigantes e um dos mais premiados surfistas brasileiros.