Brasil dá adeus no tênis para cadeirantes após derrota de dupla 

Em partida válida pelas oitavas de final do torneio de duplas de tênis para cadeirantes, realizada na manhã desta segunda-feira, Mauricio Pomme e Carlos Santos perderam para os holandeses Ronaldo Vink e Robin Ammerlaan por 2 sets a 0, parciais de 6/3 e 6/0, e foram eliminados dos Jogos Paralímpicos de Londres 2012.

A derrota marcou também o fim da participação do país na modalidade, que contou com quatro paratletas no torneio individual masculino, um na competição individual feminino e dois pares no campeonato de duplas masculino. Todos já foram eliminados da Paralimpíada.

Apesar de sempre estarem atrás do placar, Pomme e Santos fizeram um jogo mais equilibrado no primeiro set, onde encostaram nos adversários na metade do duelo e consgeuiram marcar três pontos. Entretanto, Vink e Ammerlaan se mantiveram mais constantes e fecharam em 6 a 3, em 33 minutos.

No set seguinte, os holandeses não deram chances, venceram todos os pontos, fecharam o set em 6 a 0, em 26 minutos, e saíram com a vitória no confronto.